News
Loading...

Gurgacz e Marcos Rogério receberam “doação” da JBS

Executivo da empresa afirmou que “toda doação era propina dissimulada”

Brasília – O senador Acir Marcos Gurgacz (PDT) e o deputado federal Marcos Rogério (DEM e ex-PDT) receberam recursos da JBS para suas campanhas em 2014. O dinheiro foi repassado via diretório nacional, mas segundo o delator Ricardo Saud, “todas as doações eram propinas dissimuladas” e quando não eram feitas diretamente, o artifício utilizado era a doação para os diretórios.
Na prestação de contas do senador, sua campanha teria recebido R$ 833.328 mil e Marcos Rogério, R$ 100 mil.
Gurgacz e Marcos Rogério já haviam dito “desconhecer a origem dos recursos repassados pelo diretório”, mas na delação de Saud ele deixa claro que isso não tinha como acontecer.
Acir Gurgacz e Marcos Rogério
Em 2015 PAINEL POLÍTICO revelou que Marcos Rogério havia recebido R$ 100 mil da construtora Queiroz Galvão, também suspeita de participar de cartel e superfaturar obras da Petrobras.
A doação feita pela empreiteira foi intermediada pelo partido do parlamentar, neste caso, o PDT.
Share on Google Plus

Produção ROTA MAMORE

Mande sua sugestão de repostagem aqui. rotamamore@gmail.com ou ligue ou mande suas imagens no whatsap: (69) 99368-6667 ou 99261-1156. Sua identidade será mantida sob sigilo.