News
Loading...

APOSENTADO É IMPEDIDO DE ENTRAR NA AGÊNCIA DA CAIXA ECONÔMICA EM NOVA MAMORÉ.

Foi necessário que ele solicitasse a presença da Polícia Militar no local, quando a guarnição chegou a mesma interviu na situação orientando os seguranças de que o aposentado poderia entrar.



Nesta semana um fato gerou grande transtorno a um cliente da Caixa Econômica Federal em Nova Mamoré, que fica localizada na Avenida Antônio Matos Piedade, próximo a feira municipal.

Segundo narrado em boletim de ocorrência, o aposentado C.S.M foi até agência bancária no dia 02 de Fevereiro com a finalidade de sacar a sua aposentadoria, quando ele chegou ao banco, encontrava –se um agente de segurança, diante dele, a vítima tirou todos os seus pertences, inclusive um pequeno canivete colocando no depósito de objetos.

Ao tentar entrar na outra repartição aonde ficam os caixas que atendem pessoalmente os clientes, o segurança em companhia de mais dois seguranças reteve a vítima dizendo que ele não poderia entrar por estar portando uma arma branca, ou seja, um canivete.

A vítima ficou muito constrangida no momento da ação, pois várias pessoas começaram a olhar o que estava acontecendo, a vítima afirmou que não portava arma branca, pois estava no depósito de objetos. Ele pegou e deixou o canivete na porta no banco e mesmo assim os seguranças não permitiram sua entrada.

Foi necessário que ele solicitasse a presença da Polícia Militar no local, quando a guarnição chegou a mesma interviu na situação orientando os seguranças de que o aposentado poderia entrar, pois não havia impedimento algum, só desta forma ele pode sacar seu dinheiro.

Diante do grande constrangimento sofrido, não restou outra saída a não ser registrar boletim de ocorrência para que sejam tomadas as providências cabíveis.


Fonte: Rota Mamoré.


Share on Google Plus

Produção ROTA MAMORE

Mande sua sugestão de repostagem aqui. rotamamore@gmail.com ou ligue ou mande suas imagens no whatsap: (69) 99368-6667 ou 99261-1156. Sua identidade será mantida sob sigilo.

0 comentários :

Postar um comentário