News
Loading...

VEREADOR COBRA PROPINA DE R$ 10 MIL PARA APROVAR LOTEAMENTO DE EX-VEREADOR EM GUAJARÁ-MIRIM




GUAJARÁ-MIRIM- Mais uma gravação circula pelas redes sociais (zap zap) que poderá redundar em cassação de um vereador. Trata-se de uma negociata entre um vereador e um ex-vereador de Guajará-Mirim. O objetivo era aprovar uma votação na Câmara Municipal que daria título definitivo a um loteamento pertencente ao ex-vereador Fábio Netinho, que foi presidente daquele poder.

Na gravação o vereador Adanildson Sicsu (PCdoB) teria pedido um valor de R$ 10 mil reais para aprovar o requerimento. Segundo o vereador, esse o valor seria rateado com outros três vereadores, R$ 2.500 para cada.

Publicidade
Sicsu, que é filiado ao PC do B foi eleito vereador com 637 votos, é funcionário público concursado da Secretaria Municipal de Saúde, onde exerce suas atividades profissionais há 17 anos. Sicsu foi nomeado secretário da Saúde na administração do ex-prefeito Sérgio Bouez (PSB), mas foi exonerado um mês depois por conta de outra gravação que o comprometia.

Nesta gravação, realizada há 15 dias pelo ex-vereador Fábio Betinho para se resguardar, o objetivo não foi alcançado. O loteamento foi aprovado mas sem o pagamento da propina. Adanildson Sicsu e outros três vereadores votaram contra.

Ouçam a gravação.




FONTE: MAISRO
Share on Google Plus

Produção ROTA MAMORE

Mande sua sugestão de repostagem aqui. rotamamore@gmail.com ou ligue ou mande suas imagens no whatsap: (69) 99368-6667 ou 99261-1156. Sua identidade será mantida sob sigilo.

0 comentários :

Postar um comentário