News
Loading...

SEVIC “ESTOURA” BOCA DE FUMO NO MESMO ENDEREÇO DUAS VEZES EM MENOS DE 15 DIAS


Policiais Civis do SEVIC – Serviço de Captura e Investigação da Policia Civil de Guajará-Mirim, após tomarem conhecimento de denuncia anônima por meio do DISK DENÚNCIA 197,  passaram a monitorar quem estaria comercializando cocaína na Avenida  08 de dezembro, 299, bairro Triangulo. Nesta mesma residencia já havia sido preso em flagrante no dia 26/06/2019, pela comercialização de produtos entorpecentes a pessoa de  Bruno Eguez Montano.

Os Policiais Civis através de investigação constataram que as pessoa de Selminha e Alexandre, bastantes conhecidos no meio policial, eram os suspeitos de estarem comercializando drogas neste endereço.

Os Policiais ficaram a espreita observando o movimento na residência e entre 20hs às 21h30min, observaram  quando Selminha e Alexandre vendiam os entorpecentes com a ajuda de um olheiro. Alguns dos “clientes” foram observados e capturados alguns metros depois e, com eles as drogas e todos afirmavam ter adquirido com o casal, na qual se dividiam nas tarefas.


Alexandre recepcionava os viciados e Selminha se dirigia até ao quarto para apanhar a porção de droga já paga, sendo que um viciado confessou que já tinha adquirida droga naquela residência de Bruno Eguez (preso em flagrante) e Selminha e Alexandre deram continuidade do trabalho na boca de fumo.

Os Policiais Civis ao realizaram o flagrante encontraram Selminha deitada na cama  sobre uma bolsa tipo feminina de cor verde com alça. Na bolsa havia as seguintes quantidades de drogas: 30 Trouxinhas e 19 papelotes. Alexandre confessa a comercialização, auferindo pela porção da trouxinha a quantia de R$ 10,00 (dez reais) e R$ 5,00 (cinco) pelo papelote. Que só no dia de hoje apuraram o valor de R$ 190,00 (cento e noventa reais).

Na casa foi encontrado papeis recortados e idênticos aos papeis envolto em porção encontrados com o viciado detido. Também havia sacos plásticos recortados, idênticos as trouxinhas encontradas na bolsa que Selminha tentou esconder. Que Selminha disse ter trocado um Kit da Avon por um papelote de cocaína, por esta razão realizamos a apreensão do cosmético. Também foi apreendido um Hidrometro e dois canos de pvc soldável com forte odor de entorpecente no interior. Os Policiais descobriram através de investigação que, o suspeito de ser  dono do entorpecente vendido na residencia é a pessoa conhecida por Loro. Que este é o mesmo suspeito  que financiava Bruno Eguez anteriormente.



Que as investigações apontam que o suspeito Loro recolhia os valores apurados todos os dias á noite. Que Loro fazia a entrega da droga na madrugada e e recolhia os valores apurados no início da noite. Os Policiais na residência localizaram um caderno, onde há anotações referente as porções vendidas. Que  foi feito contado com a Diretora da Caerd,  a qual informou que o hidrometro apreendido na residencia  foi arrancado de outra residencia localizada no Bairro Triangulo, configurando assim danos ao patrimônio publico.

A reportagem do Portal Guajará, apurou  que Alexandre de Almeida Castro, 22 anos, e Selma Divina dos Santos Pinedo, 35 anos, ambos já com passagens pela Policia, foram flagranteados por Trafico de drogas e encaminhados aos presídios masculino e feminino e estão a disposição da justiça.


Fonte: Portal Guajará/Flaviano Sales
Share on Google Plus

Produção ROTA MAMORE

Mande sua sugestão de repostagem aqui. rotamamore@gmail.com ou ligue ou mande suas imagens no whatsap: (69) 99368-6667 ou 99261-1156. Sua identidade será mantida sob sigilo.

0 comentários :

Postar um comentário